Est. June 12th 2009 / Desde 12 de Junho de 2009

A daily stopover, where Time is written. A blog of Todo o Tempo do Mundo © / All a World on Time © universe. Apeadeiro onde o Tempo se escreve, diariamente. Um blog do universo Todo o Tempo do Mundo © All a World on Time ©)

terça-feira, 23 de outubro de 2018

Empresa Fabril de Relojoaria e Artes Congéneres, 1879


Acção da Empresa Fabril de Relojoaria e Artes Congéneres, de 1879. Título assinado por José Bento Coelho da Serra e Artur Zaluar (?), Directores, passado em nome de João Augusto Barata (acervo Rodrigo Wenceslau Castelo-Branco Sarmento).


Mostrador com referência à Empresa fabril de Relojoaria e Artes Congéneres (arquivo Fernando Correia de Oliveira)

A Empresa Fabril de Relojoaria está ligada a Augusto Justiniano de Araújo, o maior nome da relojoaria nacional em todo o século XIX. Justiniano de Araújo nasceu em Valença do Minho, em 1843, e faleceu em Lisboa, em 1908. Relojoeiro-construtor (fabrica relógios de torre, parede e precisão), foi agraciado com a medalha de prata e cobre, na Exposição Industrial de 1888. Estabeleceu-se em Lisboa, na Rua Nova do Almada, 81; na Rua da Boavista, 164, 1.º, Fábrica de Relógios de Torre; e na Rua São João da Mata, algumas vezes em sociedade com o seu amigo Veríssimos Alves Pereira, um outro relojoeiro famoso do século XIX português. Exerceu gratuitamente o cargo de director técnico da Empresa Fabril de Relojoaria. Foi fundador da Escola de Relojoaria da Casa Pia de Liaboa. Sobre Augusto Justiniano de Araújo, veja mais aqui ou aqui.

Sem comentários: