Est. June 12th 2009 / Desde 12 de Junho de 2009

A daily stopover, where Time is written. A blog of Todo o Tempo do Mundo © / All a World on Time © universe. Apeadeiro onde o Tempo se escreve, diariamente. Um blog do universo Todo o Tempo do Mundo © All a World on Time ©)

terça-feira, 30 de junho de 2020

Relógios online - Julho já disponível


Este e outros milhares de relógios mostrados e explicados aquiaqui ou aqui, no Relógios & Canetas online, a mais importante plataforma do seu género em língua portuguesa.

Janela para o passado - perfumes Visnú, 1942

Os relógios Ulysse Nardin no Relógios & Canetas online


Estes e outros milhares de relógios mostrados e explicados aquiaqui ou aqui, no Relógios & Canetas online, a mais importante plataforma do seu género em língua portuguesa.

Conta e definição do tempo, 1759


Conta e definição do tempo, in Taboada Curiosa, de João António Garrido (espanhol de nascimento, veio para Portugal onde exerceu o cargo de professor de aritmética e escrita.), edição de 1759 (arquivo Fernando Correia de Oliveira)

Meditações - sempre no mesmo dia da semana

Crónicas da cró, n.º 5 – O calendário

Uma coisa que descobri, e que está descoberta há muitos anos, é que 20 de Abril, 3 de Agosto, 9 de Novembro e 30 de Novembro calham sempre no mesmo dia da semana. Não interessa se o ano é bissexto porque estes meses vêm todos depois de Fevereiro.

Como é que eu descobri isto? Sempre por afecto, por prazer. Faço anos a 20 de Abril e tenho amigos que fazem anos nas outras datas que referi. Depois pus-me a ver agendas velhas e, a arrumar uma gaveta cheia de tralha, encontrei uma coisa muito engraçada: um brinde da Camisaria Moderna, que havia no Rossio. Deve ser dos anos 60. Pode-se saber em que dia da semana calha qualquer data de 1963 a 1990.

Entre 20 de Abril e 30 de Novembro vão 32 semanas, entre 20 de Abril e 3 de Agosto vão 15 semanas, entre 20 de Abril e 9 de Novembro vão 29 semanas. É fácil perceber que, se vai um número certo de semanas entre as duas datas, os dois dias calham sempre no mesmo dia da semana. Este ano fazemos todos anos numa quarta-feira. Para o ano, faremos todos anos numa quinta-feira.

Estes meus pequenos cálculos babilónicos caseiros parecem contar carneiros para adormecer, mas a mim divertem-me e talvez ao fim do dia me façam dormir melhor.

O programa televisivo de que gosto mais é o Isto é Matemática. Não posso ver televisão em casa. É nos cafés que vejo este programa. Às vezes, peço para mudarem de canal para eu poder ver o Isto é Matemática. Nos cafés são simpáticos, mudam de canal.

Só queria acrescentar por hoje: acho que inconscientemente sou mais inteligente do que conscientemente. Sei que não sou Pascal e que isso não me entristece. Gosto de me divertir e de ser amiga, isso é que importa.

 Adília Lopes, Julho 26, 2016

segunda-feira, 29 de junho de 2020

Janela para o passado - Pathefono, 1912

Os relógios Tissot no Relógios & Canetas online


Estes e outros milhares de relógios mostrados e explicados aquiaqui ou aqui, no Relógios & Canetas online, a mais importante plataforma do seu género em língua portuguesa.

Contas de ourives - 1759


Contas de ourives, in Taboada Curiosa, de João António Garrido (espanhol de nascimento, veio para Portugal onde exerceu o cargo de professor de aritmética e escrita.), edição de 1759 (arquivo Fernando Correia de Oliveira)


Meditações - sonhos do passado

O passado guarda um reflexo dos nossos primeiros sonhos e parece superior ao presente, simplesmente porque é passado.

Jules Claretie

domingo, 28 de junho de 2020

Omega Memomatic, 1974


(arquivo Fernando Correia de Oliveira)

Janela para o passado - sabão Flores del Campo, 1912

Os relógios Speake-Marin no Relógios & Canetas online


Estes e outros milhares de relógios mostrados e explicados aquiaqui ou aqui, no Relógios & Canetas online, a mais importante plataforma do seu género em língua portuguesa.

Meditações - não pode a noite misturar-se à aurora


Alberto Bramão

sábado, 27 de junho de 2020

Ourivesaria Pimenta, Lisboa, 1974


(arquivo Fernando Correia de Oliveira)

Propaganda à relojoaria suíça, 1948


(arquivo Fernando Correia de Oliveira)

Janela para o passado - espingardas de caça, 1912

Os relógios Richard Mille no Relógios & Canetas online


Estes e outros milhares de relógios mostrados e explicados aquiaqui ou aqui, no Relógios & Canetas online, a mais importante plataforma do seu género em língua portuguesa.

Meditações - teoria da aurora

sexta-feira, 26 de junho de 2020

Relojoaria e ourivesaria de José da Silva Timóteo, Aldegalega, 1904


Relojoaria e ourivesaria de José da Silva Timóteo, Aldegalega, 1904. Refere ainda a relojoaria J. Maury, de Lisboa, Sobre esta, veja, por exemplo, aqui ou aqui. In O Domingo (arquivo Fernando Correia de Oliveira)

Janela para o passado - Cinzano, 1912

Os relógios Raymond Weil no Relógios & Canetas online


Estes e outros milhares de relógios mostrados e explicados aquiaqui ou aqui, no Relógios & Canetas online, a mais importante plataforma do seu género em língua portuguesa.

Meditações - o tempo não é digital

The clunky digital clock, by contrast, jerks along, stopping every minute like a Beckett character — I can’t go on. I’ll go on — falsely implying that time is a series of snapshots, a stop-action film rather than the seamless flux that it is.

Deb Olin Unferth

quinta-feira, 25 de junho de 2020

Relojoaria Garantida, de Avelino Marques Contramestre, Aldegalega, 1904


Relojoaria Garantida, de Avelino Marques Contramestre, Aldegalega, 1904, in O Domingo (arquivo Fernando Correia de Oliveira)

Os relógios Officine Panerai no Relógios & Canetas online


Estes e outros milhares de relógios mostrados e explicados aquiaqui ou aqui, no Relógios & Canetas online, a mais importante plataforma do seu género em língua portuguesa.

Janela para o passado - beleza feminina, 1912

Meditações - tempo em tempo de pandemia

If you stare long enough at your analog clock, your thinking can grow dark. The contamination of the earth. The possible world we will wake to when this current disaster is over. Perhaps the clock is a marker of our arrogance, a record of our insistence that we own and dominate everything, from water to animals to hours.

But if you stare longer, your mind will keep moving beyond those dark thoughts, beyond all thought. You will stay, instead of rising to meet your churn of responsibilities. You will wait (for what?) in the beauty of the pause, in the ever-shifting emptiness. You will feel the earth spin, time unwinding unheeded, while you sit and do nothing.

Deb Olin Unferth

quarta-feira, 24 de junho de 2020

Janela para o passado - sabão La Toja, 1912

Os relógios Omega no Relógios & Canetas online


Estes e outros milhares de relógios mostrados e explicados aquiaqui ou aqui, no Relógios & Canetas online, a mais importante plataforma do seu género em língua portuguesa.

Imã de porcelana, Museu do Relógio Serpa e Évora


(arquivo Fernando Correia de Oliveira)

As fogueiras de São João em Coimbra em 1875


in Novo Almanaque de Lembranças Luso-Brasileiro para 1875 (arquivo Fernando Correia de Oliveira)

Meditações - São João


terça-feira, 23 de junho de 2020

Janela para o passado - Hipofosfitos Salud, 1912

Os relógios Junghans no Relógios & Canetas online


Estes e outros milhares de relógios mostrados e explicados aquiaqui ou aqui, no Relógios & Canetas online, a mais importante plataforma do seu género em língua portuguesa.

Marcador de página, Pêndulo Real


(arquivo Fernando Correia de Oliveira)

Meditações - São João


Afonso Lopes Vieira, in Almanaque Bertrand, 1963 (arquivo Fernando Correia de Oliveira)

segunda-feira, 22 de junho de 2020

Janela para o passado - brilhantina Emilmat, 1912

Os relógios Hermès no Relógios & Canetas online


Estes e outros milhares de relógios mostrados e explicados aquiaqui ou aqui, no Relógios & Canetas online, a mais importante plataforma do seu género em língua portuguesa.

Iconografia do tempo - restaurante tik tak, Ericeira


(arquivo Fernando Correia de Oliveira)

Meditações - What time is it?

Why do we need to know the time in the first place? Sure, we have jobs and appointments, even now when so many of us are stuck at home, but I swear I have traveled through deserts and over mountains, strayed so far from civilization that I felt lost, at last — and on waking in dawn’s glow, my first thought was, What time is it?

What could it possibly matter?

And yet we need our coordinates. Where am I on the space-time continuum? A question as urgent as ever.

Deb Olin Unferth

domingo, 21 de junho de 2020

Janela para o passado . sabão Pera-Cura, 1912

Os relógios Favre-Leuba no Relógios & Canetas online


Estes e outros milhares de relógios mostrados e explicados aquiaqui ou aqui, no Relógios & Canetas online, a mais importante plataforma do seu género em língua portuguesa.

Postais, relógios Longines, anos 1940


(arquivo Fernando Correia de Oliveira)

Verão?


(arquivo Fernando Correia de Oliveira)

Meditações - Verão


Manuel [Pinheiro] Chagas

sábado, 20 de junho de 2020

Janela para o passado - velas de benzina, 1912

Os relógios Chanel no Relógios & Canetas online


Estes e outros milhares de relógios mostrados e explicados aquiaqui ou aqui, no Relógios & Canetas online, a mais importante plataforma do seu género em língua portuguesa.

Postal, relógios Longines, anos 1940


(arquivo Fernando Correia de Oliveira)

Meditações - Verão


(arquivo Fernando Correia de Oliveira)