Est. June 12th 2009 / Desde 12 de Junho de 2009

A daily stopover, where Time is written. A blog of Todo o Tempo do Mundo © / All a World on Time © universe. Apeadeiro onde o Tempo se escreve, diariamente. Um blog do universo Todo o Tempo do Mundo © All a World on Time ©)

terça-feira, 25 de julho de 2017

Janela para o passado - Lanalgo, 1950

Tempo de mapas - os trabalhos de um agrimensor - Manuel Valente Valadas Colaço


Manuel Valente Valadas Colaço foi durante décadas do século XX avaliador de propriedades, especialmente no Baixo Alentejo. Da mais de uma centena de mapas do antigo Instituto Geográfico e Cadastral e dos levantamentos/avaliações que fez que nos chegaram às mãos, guardámos alguns. A figura do agrimensor / avaliador, tão típica no meio rural português, vai perdendo a sua importância, dado o sistema de GPS, que permite o chamado Parcelário.


Manuel Valente Valadas Colaço à data do primeiro casamento e, em baixo, em 1956, na Moreanes. A família Valente Valadas Vieira tem origens na Reconquista, em Serpa, e nos chamados Fossados. Afonso Fernandes Valente, o Azeitado foi um dos seus ilustres membros.



Em cima, os mapas e os levantamentos, para além de uma régua que o agrimensor usou no seu mister.

Memorabilia - caneta, relógios Maurice Lacroix, Baselworld 2017

Ourivesaria Pereira, Beja, 1991 - relógios Omega, Tissot, Breitling, Certina, Seiko


(arquivo Fernando Correia de Oliveira)

Quando os relógios Van Cleef & Arpels são notícia no Relógios & Canetas online


Meditações - velocidade do Conhecimento

According to Buckminster Fuller’s “Knowledge Doubling Curve,” human knowledge doubled approximately every century. Today, it is estimated that human knowledge is doubling every 12 to 13 months. IBM is estimating that with the build-out of the “Internet of Things,” knowledge will double every 12 hours.

Luxury Daily

segunda-feira, 24 de julho de 2017

Janela para o passado - Escola de Corte e Bordados, 1950

Há 65 anos - relógios Zoty e Omega


Há 65 anos - Verão de 1952, Fonte da Telha, Luísa e José. Com relógios suíços Zoty e Omega, respectivamente, no pulso.



Os relógios, na actualidade (Espólio Fernando Correia de Oliveira)

Memorabilia - chocolates relógios Glashütte Original, Baselworld 2017

Chegado(s) ao mercado - relógios Vostok Europe, nova colecção, Energia



Vostok Europe, nova colecção, Energia. Cada versão limitada a 3 mil exemplares, Todos estanques até 300 metros. Calibre automático, coim data. Caixa de 48 mm, de aço, aço revestido a PVD, titânio e bronze, sempre com  válvula de hélio. Vidro de safira na fvrente e nio verso. Coroa de enroscar. Diferentes cores de mostradores

Para a iluminação do mostrador no escuro, a Vostok Europe recorreu a tubos de trítio, os quais brilham de forma intensa e permanente, sem necessidade de serem antecipadamente expostos à luz. No total foram usados 18 tubos: 13 montados em refletores para os índices (um para cada posição horária e dois para a posição das 12h00), quatro para os ponteiros (dois deles para o das horas) e um último montado na luneta, às 12h00 dentro de uma cápsula de safira.

Os relógios são vendidos numa “dry box” protetora. Mas, para os Energia, a marca voltou a elevar a fasquia e inclui agora uma caixa XXL especial, que além de guardar o relógio, as braceletes (cada modelo é vendido com uma bracelete de pele e outra de silicone) e a ferramenta para a sua substituição, pode fazer o mesmo para um total de 4 relógios e respetivas braceletes adicionais.

A gama Vostok Europe Energia está já disponível em Portugal através dos pontos de venda autorizados da Sociedade de Relojoaria Independente. Os preços vão dos 739€ aos  839€